A CRISE E OS RICOS

Cartoon de Luís Afonso publicado no jornal Público, de cuja edição do passado dia 17 de Setembro o reproduzimos, com a devida vénia ao seu talentoso autor.

Advertisements

TOURADAS (VISTAS POR ANDRÉ CARRILHO)

«Se tourada é cultura, canibalismo é gastronomia», diz quem sabe pensar e raciocinar — isto é, o Maestro António Victorino d’Almeida. Só as cabeças com chifres — isto é, as dos touros — é que não pensam… 

(Cartoon de André Carrilho, reproduzido, com a devida vénia, do Diário de Notícias, edição semanal de 8/7/2018).

HAGAR E O FUTEBOL

O triste caso, que tanta celeuma provocou, ocorrido recentemente na Academia do Sporting, em Alcochete, assemelha-se, aqui para nós, a um jogo de futebol sem bola, em que uma das “equipas” — ainda por cima mais numerosa — procura derrubar os “adversários”, recorrendo a meios violentos.

Mas esse jogo já tinha sido inventado no século X pelos Vikings, povo bélico do Norte da Europa, famoso pelos seus saques e pelas suas viagens marítimas.

Prova disso é esta página da hilariante série Hägar, o Abominável [Viking], criada por Dik Browne, que fez as delícias de muitos leitores de jornais e revistas, mormente do Mundo de Aventuras, de cujo nº 396 (2ª série) a extraímos.

A bola só apareceu muitos séculos depois… e ainda hoje há quem a confunda com as pauladas e as cabeçadas!

FOGO E FÚRIA!

“Cartoon” do talentoso humorista José Bandeira, publicado no “Diário de Notícias”, em 11/8/2017 — o melhor comentário político/satírico que lemos até agora a propósito das “brincadeiras perigosas” entre os EUA, de Donald Trump, e a Coreia do Norte, de Kim Jong-un — e que aqui reproduzimos com a devida vénia a um autor da nossa especial eleição.