IN MEMORIAM (DA MOUNETTE) – 8

Poesia Felina – 16, publicada em 23/06/2015 no blogue Gatos, Gatinhos e Gatarrões, com ilustração de Catherine Labey.

Advertisements

A QUINZENA CÓMICA – 45

Mais um cartoon de José Vilhena cheio de malícia, em que a televisão — esse revolucionário invento que chegou a Portugal nos anos 1950 — serve, mais uma vez, de mote ao humor brejeiro de um artista que cedo se impôs pelo seu corrosivo ataque às convenções. Infelizmente, José Vilhena começou a colaborar no Cara Alegre demasiado tarde, já perto do fim da sua 1ª série.

NOVELA GRÁFICA IV – O REGRESSO DE UMA COLECÇÃO QUE JÁ SE TORNOU HISTÓRICA

Com “Os Guardiões do Louvre”, uma das últimas obras de Jiro Taniguchi, autor já conhecido dos habituais leitores destas Novelas Gráficas, arrancou no passado dia 6 de Junho a quarta série de uma colecção incontornável, que tem revelado (e continuará a revelar) obras de alguns dos maiores criadores da 9ª Arte nos tempos modernos (e oxalá com maior abertura, de futuro, aos autores portugueses). 

Saudamo-la, por isso, com prazer e com renovadas expectativas, felicitando o jornal Público e a editora Levoir pelo êxito crescente e pela regularidade das suas parcerias. Na próxima quarta-feira, dia 13, sai o 2º volume, com uma emblemática história de Jacques Tardi: Ici Même, cujo argumento se deve ao saudoso Jean-Claude Forest.

(Nota: os textos de João Miguel Lameiras alusivos a esta colecção podem ser seguidos em dois dos nossos blogues, O Gato Alfarrabista Júnior e A Montra dos Livros).

CITAÇÃO DO MÊS – 48

MARY ANNE EVANS (Escritora*)

*Retrato de George Eliot, pseudónimo de Mary Anne Evans (Arbury, 1819 – Londres, 1880), famosa escritora inglesa. Pintura a óleo de François d’Albert-Durade (1804-1886)

«É  necessário muita paciência, muita coragem, para se produzir qualquer coisa… E na arte de escrever, o descuido é um pecado mortal»

EXPOSIÇÕES NO CPBD E NA BEDETECA DA AMADORA

Exposição do CPBD, dedicada a Viriato na Banda Desenhada

Por amabilidade de Carlos Gonçalves, membro da Direcção do Clube Português de Banda Desenhada, recebemos uma reportagem fotográfica das sessões realizadas no passado sábado, dia 2 de Junho, na Bedeteca da Amadora e na sede do CPBD (como oportunamente anunciámos), durante a inauguração de várias exposições e do lançamento (há muito aguardado) do álbum de Fernando Relvas “O Espião Acácio” — obra incontornável, autêntico clássico, de um dos maiores nomes da BD portuguesa —, coincidindo com a mostra dedicada aos 50 anos da revista Tintin (edição Bertrand), onde ela foi originalmente publicada.

Partilhamos com os nossos leitores algumas imagens desses eventos, com agradecimentos a Carlos Gonçalves e ao repórter fotográfico Dâmaso Afonso.

Exposição do CPBD: Viajantes de Papel na Lusofonia Gráfica

Exposição 50 anos da revista Tintin, na Bedeteca da Amadora

Catherine Labey e Anica Govedarica

Sessão de lançamento do álbum O Espião Acácio (Bedeteca da Amadora)

Assistência atenta durante a apresentação do álbum de Fernando Relvas

Mesa de apresentação do álbum O Espião Acácio