TEMAS DESPORTIVOS

HISTÓRIA DO CAMPEONATO MUNDIAL DE FUTEBOL (2)

Cartaz da Copa do Mundo 1934A segunda Copa do Mundo realizou-se em Itália, no ano de 1934, já com os regimes fascistas a expandir-se pela Europa — o que permitiu ao ditador Benito Mussolini usar em seu próprio benefício a vitória no torneio, disputado por 16 países de três continentes, incluindo, pela primeira vez, o africano. A equipa de Portugal, treinada por Ribeiro dos Reis, participou também na fase de qualificação, mas foi eliminada pela Espanha, com duas derrotas, uma delas histórica e “humilhante”: 9-0 no primeiro jogo, em Madrid. As redes espanholas, defendidas pelo famoso Ricardo Zamora, sofreram apenas um golo no segundo encontro. Balanço final: 11-1 a favor de nuestros hermanos, que no futebol, pelo menos, nos têm dado “água pela barba”.

Itália (vencedora da Copa do Mundo 1934)

Graças a esta grande competição internacional organizada pela FIFA, que chegava também à Europa, depois de atribulado início num país da América do Sul, o Uruguai — primeiro vencedor da prova (ver aqui o post anterior), mas que recusou participar no torneio europeu, resignando ao título —, o futebol começou a impor-se como o desporto das multidões e a servir de meio de propaganda política aos regimes mais totalitários, num continente que se aproximava a passos largos da maior hecatombe da sua história.

História world cup - 7 e 8História world cup - 9 e 10História world cup -11 e 12

A rematar este 2º capítulo da história do Campeonato Mundial de Futebol, com desenhos de Colin Andrew, publicada entre os nºs 244 e 251 do Mundo de Aventuras (2ª série), aqui têm outra página com Gauchito, a impagável “mascote” da Copa do Mundo da Argentina (1978), em que os árbitros e os guarda-redes continuam a estar na “berlinda”.

Gauchito 2

TEMAS DESPORTIVOS

HISTÓRIA DO CAMPEONATO MUNDIAL DE FUTEBOL (1)

MA 247 - 787Este mês, na comunicação social e na blogosfera, os temas mais correntes continuarão a ser o futebol e a política, por causa da Copa do Mundo (em que Portugal entrou com o “pé esquerdo”), das dissenções internas no PS, com a “guerra aberta” entre Costa e Seguro, e dos novos “chumbos” do Tribunal Constitucional, que lançou mais um anátema sobre o governo por este não respeitar a lei fundamental do país.

Para não fugir à regra, também o nosso blogue centrará a sua atenção no desporto-rei — que já aqui foi abordado algumas vezes —, pondo de lado, et pour cause, a política.

Em 1978, quando o campeonato mundial teve lugar na Argentina, o Mundo de Aventuras (que era, então, coordenado por mim) ofereceu aos seus leitores, a partir do nº 244, de 1/6/1978, uma longa série de tiras ilustradas com a história dessa grande competição desportiva, desde a sua origem, em 1930, até ao anterior campeonato, realizado em 1974, na Alemanha Ocidental.

Essas tiras, distribuídas por uma agência de imprensa, a Dias da Silva, à qual comprávamos muitas séries de BD, eram de origem inglesa e tinham a assinatura de um ilustre desconhecido (pelo menos, por estas bandas), de seu nome Colin Andrew, nascido em Dundee (Escócia), em 1933, e falecido em 2013.

MA 243 - Anúncio com cor no fundoO material era bom, com uma colorida, embora sumária des- crição dos principais incidentes, participantes e jogos que assi- nalaram o percurso triunfante do Campeonato do Mundo, e um grafismo que mantinha a tradição inglesa de linearidade, perfeição e realismo.

Aqui têm, para começar, as doze primeiras strips dessa série, alusivas aos primórdios da competição, no distante ano de 1930. O país organizador, escolhido pela FIFA, foi o Uruguai, o que levantou sérios problemas de transporte às equipas europeias participantes (apenas quatro), constituídas ainda por atletas amadores. Houve, portanto, nesse primeiro torneio, maior afluência de países do continente americano, incluindo o Brasil, única selecção a figurar, até hoje, em todas as Copas do Mundo.

Nas próximas semanas, acompanhando o interesse mediático despertado por um acontecimento desportivo desta natureza, apresentaremos as restantes tiras publicadas no Mundo de Aventuras, entre os nºs 244 e 251.

História world cup - 1 e 2 História world cup - 3  e4História world cup - 5  e 6

Mas há mais… Juntamente com esse material, que o MA adquiriu em exclusivo, foi distribuída outra série dedicada ao desporto-rei, em estilo caricatural, onde figurava a “mascote” da Copa do Mundo de 1978, representada por um garoto em trajes folclóricos chamado Gauchito (nome e trajes inspirados no símbolo nacional da Argentina: o gaúcho), a quem fora atribuído o triplo papel de jogador, espectador e comentador desportivo, para gáudio dos amantes do futebol e das tiras humorísticas.

Gauchito 1    796

 

A COPA DO MUNDO NA TERRA DO SAMBA

Copa do Mundo - Brasil 2014

Com mais um excelente doodle (cabeçalho), fruto da inspiração dos seus designers, que continuam a surpreender e a deslumbrar com frequentes demonstrações de criatividade, o Google assinalou o começo da Copa do Mundo de 2014 na terra do Samba, escolhendo precisamente para a imagem que ilustra esse trabalho as cores (verde, amarelo e azul) da equipa da casa, a selecção “canarinho”.

O nosso blogue não ficará indiferente à maior competição internacional do desporto-rei e, por isso, homenageará também a Copa do Mundo apresentando a história, em banda desenhada, do seu trajecto desde 1930 até 1974, tomando como balizas (no sentido figurado, já se vê) o 1º torneio, em que o Uruguai ganhou a histórica Taça Jules Rimet, e o 10º, que deu a vitória à Alemanha Ocidental.

Estejam atentos aos próximos posts.

Uruguai - Copa do Mundo 1930