COLECÇÃO “DESIGN PORTUGUÊS”

Design português Público 4

No penúltimo volume desta colecção, mais uma louvável iniciativa cultural do jornal Público — no âmbito do Ano Internacional do Design Português —, deparámos com uma agradável surpresa, entre as ilustrações que recheiam profusamente uma extensa cronologia das principais efemérides que assinalam a história do design em Portugal: a capa d’O Mosquito nº 566 (25/11/1944), da autoria de Eduardo Teixeira Coelho, à época um dos seus mais talentosos e apreciados colaboradores.

Não foi a única e merecida alusão à Banda Desenhada, enquanto manifestação artística, como uma “disciplina” complementar também ligada à evolução das artes figurativas, pois no 4º volume (que abarcou o período 1960-1979) surgiu a capa do Lobo Mau nº 2, datado de 7/6/1979, e no 2º volume (1920-1939) pudemos ler uma breve referência ao ABC-zinho: publicação infantil “central no desenvolvimento da banda desenhada”.

Design português Público 5

É pena que nesta colecção dedicada a uma arte mista, gráfica e decorativa, com reflexos noutros sectores das Belas Artes, e que documenta a história do progresso social, económico e cultural dos últimos 115 anos, com referência directa aos principais criadores do design português, a Banda Desenhada (que também veio de meados do século XIX) tenha ficado ingloriamente esquecida (ou subalternizada), como uma espécie de “parente pobre” que não tem o privilégio de poder sentar-se à mesa com os convivas mais ilustres.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s