REVISTAS DE TERROR – 2

Calafrio título

Calafrio - 8 e 9

Na nossa galeria de revistas de terror, que merecem ser recordadas (especialmente nas noites de Halloween), apresentamos mais algumas capas de Calafrio, publicação brasileira dirigida por Rodolfo Zalla, que chegou às nossas bancas em meados dos anos 80, tal como a sua homóloga Mestres do Terror, ambas totalmente realizadas com a «prata da casa».

Mozart CoutoEntre os seus melhores colaboradores destaca-se o nome de Mozart Couto, artista de traço exuberante, cujo domínio do movimento e da anatomia (sobretudo das formas femininas), a par da harmonia dinâmica de linhas e do expressionismo do branco e negro que caracterizam o seu estilo, dando uma atmosfera especial às suas histórias de terror (o belo aliado ao horrível), lhe granjearam a admiração dos fãs de BD fantástica, que chegaram mesmo a considerá-lo o maior expoente dos «quadrinhos», o Frank Frazetta brasileiro.

Tal como o grande ilustrador norte-americano, Mozart Couto também se especializou no género sword and sorcery, mas é igualmente exímio em todo o tipo de histórias, incluindo o erótico, e o seu talento já conquistou renome mundial.

Calafrio - 16 e 20

Para muitos seguidores deste blogue que ainda desconhecem o seu trabalho — e para os outros a quem ele suscita admiração incondicional… como a nós próprios —, seleccionámos uma curta história publicada no nº 20 da revista Calafrio, com o sugestivo título «O Morcego», animal que assombra também as selvas brasileiras.

Boa leitura… e agradáveis calafrios! Até ao próximo «arrepiante» (e inesquecível) encontro com os nossos extraordinários mestres do terror…
O Morcego - 1 e doisO Morcego - 3 e 4O Morcego - 5 e 6