IN MEMORIAM

LAUREN BACALL (1924-2014)

Lauren Bacall (The Big Sleep)

To Have or Have NotSerá sempre lembrada como a mulher que ensinou todos os rapazes a assobiar, no seu primeiro filme, To Have and Have Not (Ter e Não Ter), e seduziu o “machão” Humphrey Bogart com o seu glamour, juventude, beleza e talento, formando com ele o par mais liberal de Hollywood, opositor da “caça às bruxas” na era de trevas do senador McCarthy; será sempre apreciada como a rebelde e maliciosa actriz, de voz grave e olhar felino (o famoso The Look), cuja química extravasava do ecrã, quando dirigida por Howard Hawks… mas que foi muito mais do que um sex symbol.

Bogart e BacallÍcone da moda e do cinema, com o “toque de Midas” que “transformava em classe tudo aquilo em que tocava” (palavras de Herman José), Bacall era um sonho de celulóide que se confundia com a imagem de uma mulher real (ao contrário de Marilyn Monroe, atraída pela sua persona cinéfila). Poucas “estrelas” brilharam tanto nesse efémero firmamento, onde só as lendas autênticas, de “carne e osso” — isto é, arquétipos com presença —, logram atingir o eterno Olimpo. Como Madonna cantava em Vogue: “we love you, ladies with an attitude”!                     J. M.

Bogart e Bacall (The Big Sleep),jpg copyBogart e Bacall (Dark Passage),jpg copy

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s