O HUMOR DE AUGUSTO TRIGO – 2

Image converted using ifftoanyMais conhecido pelos seus inúmeros admiradores como desenhador de estilo “sério”, de um realismo objectivo e quase fotográfico, Augusto Trigo — cuja carreira se iniciou oficialmente em 1980, no Mundo de Aventuras e no suplemento Quadradinhos, do extinto diário A Capital —, tem desde há muito revelado outras facetas do seu ecléctico talento, distinguindo-se também como um notável desenhador humorístico, já com vários trabalhos desse género publicados em jornais, revistas, fanzines, álbuns e até livros didácticos.

Um desses álbuns, a merecer destaque, foi publicado em 2004 pelo Montepio Geral/Associação Mutualista, com uma série de histórias do “herói” Tio Pelicas, criado por Trigo, sob argumento de Paula Guimarães, para uma revista que o Montepio editava periodicamente, destinada em exclusivo aos filhos dos seus sócios.

Trigo - Tio Pelicas capaO Tio Pelicas, como o próprio nome dá a entender, é um simpático pelicano cujos dotes de detective são postos ao serviço da comunidade, sobretudo por causa das patifarias do seu arqui- -inimigo, o maléfico Egoístão, de aspecto sinistro mas bem humano, que como todos os vilões que se prezam também possui um arsenal de armas secretas.

Além do Tio Pelicas e do seu sobrinho Peliquinhas, aparecem mais persona- gens antropomórficas na série, assim como dois animais domésticos, o gato Sapato e o cão Pelicão, dominados pela mesma rivalidade que existe entre os seus donos.

Os temas, muito variados, tinham, por vezes, referências a questões políticas da época, retratando com um traço pitoresco e perfeito locais e figuras que animavam o quotidiano nacional, mas Trigo queixava-se de ter pouco espaço para os desenvolver, pois as histórias não excediam, em regra, duas ou três páginas (embora as que saíram no álbum formem um episódio unitário, dividido em partes mais longas).

Trigo - Tio Pelicas logotipo570Algumas dessas histórias, publicadas entre 2001 e 2003, foram coligidas num número especial da revista do Clube Tio Pelicas (cuja capa reproduzimos), também de distribuição limitada aos sócios, apesar da tiragem de 28.000 exemplares (!), sendo, por isso, tal como as do álbum, uma das obras mais raras e menos conhecidas de Augusto Trigo e, ao mesmo tempo, umas das que melhor atestam as suas reais qualidades de desenhador ambivalente, tão exímio no estilo humorístico como no realista.

Eis dois episódios da série Tio Pelicas Investiga, “A Revolta do Dinheiro” e “A Invasão dos Coelhos Brancos”, respigados da mencionada revista (de formato mais pequeno que o do álbum), e que, curiosamente, até aparentam alguma relação com factos mais actuais — se quisermos também vê-los pelo lado picaresco!

Trigo - Tio Pelicas 1574Pelicano 2Pelicano 3Pelicano 4Pelicano 5Pelicano 6

 

 

     

 

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s