UM ANO DEPOIS…

1º ANIVERSÁRIO DO GATO ALFARRABISTA

Para celebrar o nosso 1º aniversário na blogosfera — corolário de 12 meses de regular actividade, que se saldou por um total de 152 posts (número ainda modesto, mas acima das previsões iniciais de um estreante nestas lides), com picos em Agosto e Dezembro, e mais de 20 000 visionamentos —, escolhemos um cartoon de Irene Trigo, jovem desenhadora de inegáveis méritos, embora com poucas obras publicadas, que herdou o talento artístico do seu ilustre progenitor Augusto Trigo.

Este cartoon foi reproduzido do nº 13 (Novembro de 1999) da revista Selecções BD (2ª série), onde serviu para apresentar o sumário, com legendas que nós agora modificámos, a pretexto desta efeméride. (Para ler o texto, basta clicar na imagem).

Anos Gato Alfarrabista

Na nova etapa que se abre à nossa frente, esperamos continuar a progredir no sentido de fazer deste blogue um dos que mais espaço e atenção dedicam ao valioso património literário e artístico com que muitos autores da época pioneira da BD portuguesa contribuíram para o prestígio e para a evolução da imprensa infanto-juvenil, das histórias aos quadradinhos, das artes gráficas e da cultura em geral.

Advertisements

8 thoughts on “UM ANO DEPOIS…

  1. Muitos parabéns à equipa do Gato Alfarrabista e espero que este seja apenas o primeiro aniversário de muitos, com muitas curiosidades sobre o mundo da BD. Segue também um abraço virtual.

  2. Muitos parabéns a todos os que contribuíram para que o Gato seja uma consulta diária obrigatória. Caro Jorge, continua a ser um verdadeiro conhecedor desta magnífica Nona Arte… e não só. Os meus parabéns e obrigado por trazer até nós tantas e tantas linhas de puro prazer. Abraço. Mário João Marques

    • Este blogue, ou seja, o nosso Gato, agradece, reconhecido, os cumprimentos e os seus patronos também. Fiéis ao nosso lema, procuraremos na próxima etapa contribuir com os nossos modestos recursos para um melhor conhecimento do mundo da 9ª Arte, especialmente no que toca aos autores portugueses de feição clássica, alguns ainda hoje em actividade – mas sem qualquer menosprezo pelos autores mais modernos, cuja obra tem sido e continuará a ser, certamente (e com todo o merecimento), divulgada e analisada noutros blogues.
      Um grande abraço, caro Mário, e esperamos que continue a acompanhar-nos com o mesmo interesse durante mais um ano.

  3. Muito obrigado, João, por participares na nossa festa virtual e pela mensagem solidária, que muito nos apraz registar. Se for possível, esperamos chegar ao 2º aniversário com o mesmo empenho e entusiasmo com que enfrentámos esta nova e estimulante experiência, em que não nos faltou o apoio e o incentivo de muitos e bons amigos.
    Um abraço (tão forte como da última vez em que nos encontrámos).

  4. Apesar deste hiato de fabricação e consultas na blogosfera, dei hoje por mim a ler esta agradável efeméride.
    Por isso, um dia atrasado para assitir ao sopro da vela do primeiro aniversário, nem por isso deixo escapar a oportunidade de dar os parabéns ao “GATO ALFARRABISTA”, nas pessoas do Jorge e da Catherine, com votos de uma longa vida para eles e, concomitantemente, para o blogue.
    Do “bolo”, já só restarão umas “migalhas” que eu saborearei com deleite; mas quero dizer que a Irene cozinhou muito bem o bolo, sob receita do Jorge Magalhães, e deixou-me a saborear duas tiras que – ou me engano muito – permitem augurar um traço equivalente e com a qualidade do de seu pai, o grande Augusto Trigo.

    Um abraço para todos
    Santos Costa

  5. Nestas comemorações virtuais há sempre hipótese de as partilharmos com todos enquanto forem visíveis… o que significa que até os “bolos” podem ser saboreados vezes sem conta, mesmo os de aspecto mais apetitoso como este com que a Irene nos brindou (bem sei que já o tinha “servido” noutra ocasião, mas com recheio diferente). E lá que ela é boa “cozinheira”, disso não há dúvidas! Mas não me parece que tenha sido essa a profissão que escolheu, infelizmente para todos quantos admiram os seus dotes artísticos… neste caso, com requintes “culinários”.
    O nosso Gato Alfarrabista tem-na em grande conta e, por isso, irá apresentar em breve outras amostras do seu trabalho, igualmente deliciosas, mesmo com outros ingredientes.
    Um grande abraço, caro Amigo Santos Costa, e muito obrigado pelo apoio, pelo estímulo e pela camaradagem sempre demonstrados durante o nosso primeiro ano de vida.

  6. Amigos Jorge e Catherine, só agora vi este post e me apercebi desta data festiva (atrevo-me a perguntar se ainda haverá bolo para mim?), à qual me associo com muito “gosto” (já que é de culinária que estamos a falar).
    Muitos parabéns pelo aniversário e pelo belo trabalho de divulgação que, ao longo deste ano, têm dedicado aos autores clássicos da nossa BD (mas não só – recordo-me de posts sobre cadernetas de cromos ou sobre estampas de actores de cinema que muito vêm enriquecer o conteúdo deste Gato).
    Vou continuar a seguir com atenção o vosso trabalho e espero que para o ano o bolo seja de bolacha (o meu favorito) 🙂
    Abraço
    Carlos Rico

  7. Claro que este apetitoso bolo confeccionado pela Irene Trigo (embora a “receita” fosse minha, como frisou o Santos Costa, o aspecto e o gosto é que contam) chega para todos os convivas desta 1ª festa de aniversário do Gato Alfarrabista, mesmo para quem vier mais atrasado. Para o ano, se lá chegarmos, é muito possível que acatemos a sua sugestão, amigo Carlos, pois também gostamos muito do bolo de bolacha (a Catherine que o diga, já que, em tempos idos, quando íamos jantar fora depois do trabalho, ela já sabia que o restaurante escolhido era sempre aquele onde serviam o melhor bolo de bolacha. Posso mesmo asseverar que me tornei um especialista na matéria) 🙂
    Muito obrigado pelas suas palavras de amizade e camaradagem, em que transparece um grande estímulo à nossa actividade – o que muito nos honra e desvanece, da parte de um colega do mesmo “ofício”, responsável por outro blogue que está na nossa lista de favoritos, o BDBD, com o qual também muito aprendemos neste primeiro ano de existência. Os melhores exemplos vêm sempre de cima e o BDBD foi indiscutivelmente, dentro da área em que nos identificamos, um dos blogues que nos serviram de “farol” , quando começámos a navegar pelos nossos meios, e que acompanhámos com prazer e assiduidade desde a sua própria criação.
    Quanto aos temas abordados pelo nosso Gato, amigo Carlos, como tem visto procuramos diversificá-los o mais possível – além das rubricas sobre colecções de cromos e separatas, temos também as dos livros, dos postais ilustrados, dos contos de acção, etc., embora todas relacionadas com a ilustração e algumas vezes também, colateralmente, com a BD. O problema é arranjar forma de as manter em rotatividade sem grandes intervalos, o que se torna cada vez mais difícil, obrigando-nos seguramente, este ano, a aumentar a nossa média de posts mensais. Vamos lá a ver se o conseguiremos… pois não estava nos nossos planos obedecer a qualquer espécie de rotina ou de “calendário oficial”, visto encararmos este blogue apenas como um meio de entretenimento e de divulgação cultural (como muitos outros, aliás), sem quaisquer pretensões de “concorrermos” com os nossos colegas da blogosfera. De outra forma, não nos divertiríamos tanto com o que fazemos…

    Um grande abraço,
    Jorge Magalhães

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s